O consumo de carne seria o responsável pela evolução humana?

A operação carne fraca provocou um grande alvoroço entre os brasileiros, nos levando a refletir sobre a qualidade da carne produzida em nosso país.

Porém as novas descobertas da ciência podem não agradar muito aos vegetarianos, pois estudos comprovam que ela foi imprescindível para o desenvolvimento dos seres humanos.

Nosso trato digestivo não é como os dos animais herbívoros, nossas enzimas se desenvolveram para digerir carne.

Além do seu papel fundamental na evolução humana, a caça cooperativa impulsionou o desenvolvimento da linguagem e socialização.

No passado, todo o progresso dos seres humanos estava associado à alimentação, e ela foi imprescindível para o aperfeiçoamento da inteligência humana.

Evolução Humana

Recentemente fragmentos de um crânio de aproximadamente 1,5 milhões de anos encontrado na Tanzânia apontou que os hominídeos a consumiam  regularmente.

Veja o que o pesquisador Manuel Dominguez Rodrigo:

“Eu sei que isso vai soar horrível para vegetarianos, mas carnes nos tornou humanos.

O desenvolvimento do cérebro humano não poderia ter existido sem uma dieta baseada em consumo regular de carne”

Caçar e consumir carne foi uma das atividades mais aprimoradas pelo homem ao longo dos anos.

É evidente que nosso trato digestivo não foi desenvolvido em cima de uma dieta inteiramente vegetariana.

É importante compreender que o consumo de carne é parte da nossa herança evolutiva.

Vale destacar que a produção de carne é uma das principais atividades dos sistemas alimentares atuais.

Mas apesar do seu papel fundamental na vida dos seres humanos, ela deve ser consumida de maneira consciente, com o mínimo de desperdiço.

Também é importante estar atento aos impactos ambientais provocados pelo consumo excessivo e irresponsável da carne.

Vegetarianismo

Recentemente o vegetarianismo virou uma tendência, e a cada dia mais pessoas aderem à dieta vegetariana.

Sem pensar no impacto que isso pode provocar no organismo humano, inúmeras pessoas estão eliminando-a completamente de seu cardápio.

É importante que os novos adeptos do vegetarianismo estejam conscientes de que podem sofrer sérias complicações por deficiência de vitaminas.

Além da carência de vitaminas, a dieta vegetariana pode acarretar uma diminuição no cérebro, fadiga excessiva e confusão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

loading...